• faleconosco788

Mitos sobre a proteína



Proteína demais não faz mal a ninguém!! O mito ganhou forma em 1983, quando pesquisadores descobriram que comer muita proteína aumentava a taxa de filtragem glomerular, ou GFR. O que acontece é que o organismo saudável se adapta bem ao trabalho extra.

.

A proteína é também extremamente necessária para a formação óssea e para a construção de tecido muscular.

.

Outra crença a respeito da ingestão alta de proteínas é que o excesso que o corpo “não usa”, é supostamente transformado em gordura.

.

Na verdade, o corpo acaba queimando calorias para conseguir processar a proteína, quebrá-las em aminoácidos e ainda administrá-las em todos os lugares do corpo onde ela é necessária.

.

A maioria das pessoas sequer conseguem ingerir a quantidade necessária de proteína para ganhar massa muscular, imagine ingerir em excesso para ganhar gordura.

.

Quando o assunto é absorção, pesquisadores realizaram em 2015, uma comparação do efeito de 40g de proteína versus 70g de proteína ingeridos em uma refeição completa sobre as variáveis do balanço nitrogenado. Foi observado que a síntese proteica não apresentou diferença entre as quantidades, mas o catabolismo proteico foi reduzido com 70g de proteína, assim como o balanço nitrogenado foi positivo, demonstrando que o limite de absorção proteica não é de 30g de proteína por refeição.

.

#proteina #alimentacaosaudavel #saude #dieta #massamuscular #massamagra #corpoemforma #lowcarb #nutrologia #sp #drdiogosimao